Pulgas – 5 Tipos de Remédio Caseiro Para Acabar Com as Pulgas de Vez!

Estou infestado de pulgas! Elas coçam, incomodam! Se seu cachorro falasse, ele faria essa queixa? Se for este o caso, prepare-se. Lidar com parasitas exige paciência, remédios e venenos perigosos e muito trabalho de limpeza da casa – sim, da casa toda – para desinfestação.

Pulgas são seres mais antigos que a humanidade e ainda mais velhos que a maioria dos mamíferos. Têm origem em selvas e matas muito fechadas. Podem durar meses em estado pupa, sem consumir nenhum alimento, até que um animal de sangue quente passe próximo a elas. Em condições normais, seu ciclo de vida dura 14 dias.


O que são as pulgas?

Da família dos sifonápteros, esse insetos sem asas pulam de um hospedeiro para outro e se multiplicam rapidamente. Causam coceira, irritações, espalham-se pelo meio ambiente e chegam a fazer ninhos por uma área extensa. Casas com cães e gatos podem ter ninhos em camas, sofás, tapetes e roupas pesadas guardadas por muito tempo.

Ctenocephalides canis e Ctenocephalides felis. Pulgas de cães e de gatos. Estas diabinhas do tamanho de uma cabeça de alfinete, são marrom acobreado e ficam mais escuras quando estão cheias de sangue. As fêmeas podem botar até 40 ovos por dia durante seu ciclo de vida.

O ciclo de vida desta praga é dividido em 4 estágios: Ovos, larvas, pupas e adultas.

um cão se coçando por causa das pulgas

Como saber se o cachorro está com pulgas?

Seu cachorro está se coçando demais, mastigando insistentemente os pelos e rosna quando se coça. Com as patas traseiras, tem coçando com muita frequência atrás das orelhas. Você o examina e encontra marcas por todo o corpo, especialmente na parte interna das coxas e barriga.

Os principais sintomas são coceira, feridas ou erupções na pele, inchaço e urticária.

A má notícia é que seu animalzinho tem pulgas. A notícia pior é que elas são difíceis de matar, vão dar muito trabalho e podem voltar a qualquer momento. A notícia muito pior é que elas se espalham pela casa e você pode ser obrigado a dedetizar todo o ambiente.

Como eliminar de vez com as pulgas do cão

um cão se coçando

Banhos constantes, remédios caseiros, limpar a casa toda, cuidar para que o animai não passe em locais suspeitos de ter contraído a infestação. Tudo isso será essencial para evitar novos problemas. Se desconfiar de outro animal, evite que seu cão tenha qualquer contato com o bichinho suspeito. Limpe a casa e o quintal.

Há remédios e venenos caseiros e industriais. Os mais simples, eficientes e baratos ainda não os caseiros. Venenos industrializados são perigosos para os animais, para crianças e até adultos. Porém, caso a infestação permaneça, use um cone em colta do pescoço para evitar que o animal tente lamber o veneno e faça aplicações regulares de remédios.

Remédio caseiro para acabar com as pulgas do ambiente

A maior dificuldade de eliminar pulgas em cães usando remédios caseiros é que o tratamento não faça mal ao paciente. Banhos constantes são ótimos remédios contra pulgas em cães. E o uso do cone no pescoço é muito útil quando algum veneno é aplicado. Lembre-se que se algum remédio incomodar seu cão, ele vai lamber a área e pode se envenenar.

Existem, no entanto, remédios caseiros inofensivos para os bichos e ao mesmo tempo fulminantes para as pulgas. Caso os resultados não apareçam rapidamente, você pode tentar vários em dias diferentes até se dar por contente e exterminar toda a infestação.

  • Camomila – Dê em seu bichinho um banho de chá de flores de camomila. Atente para as partes mais críticas, como cabeça e atrás das orelhas.
  • Óleo e álcool – Misture em partes iguais e passe por todo o corpo do animal com ajuda de uma gaze. Passe várias vezes, até umedecer o cão. O álcool é um antisséptico que tonteia e mata as pulgas, enquanto o óleo as faz escorregar e cair no chão. Pode ser bom usar uma bacia ou uma peça grande de cartolina, papelão, papel ou pano para ajudar a enxergar os parasitas caídos. Depois disso, dê um bom banho em seu cãozinho.
  • Limão – ou sumo de frutas cítricas. Corte o limão ao meio, ferva em 1 litro de água e depois que esfriar, pulverize no cachorro. Cuidado com os olhos. Se sobrar sumo.
  • Vinagre de maçã – misture água e vinagre de maçã em quantidades iguais. Com um pano limpo, passe o remédio por todo o animal. Funciona bem contra pulgas, carrapatos e até piolhos.
  • Levedura de cerveja – pó para usar durante o banho do cachorro. Também cura as feridas deixadas pelas picadas.

Venenos

Há vários produtos no mercado. Mas todos devem vir acompanhados da recomendação de um veterinário. Venenos de uso utópico, ou seja de aplicação no pelo não precisam de receita, mas os de ingerir vão precisar de uma avaliação de especialista para calcular peso e dose corretos para cada animal.

Os principais princípios ativos mais eficientes para matar pulgas são pietrinas, que são inseticidas naturais, piretroides, que são inseticidas sintéticos e imidacloprida, pesticida criado em laboratório. A aplicação de todos os venenos industriais requer atenção com o bem estar dos animais e das pessoas. Por isso, muito cuidado. Após utilizar o veneno, lave bem as mãos e não toque nos olhos.

Dicas e avisos

  • Use sempre um cone em animais, sejam cães ou gatos. Eles vão tentar lamber o pelo para tirar o veneno.
  • As coleiras anti-pulgas são boas. Mas apenas para afastar os insetos. Sua utilidade é só pelo tempo de duração do remédio contido na própria coleira. O que dura apenas 3 meses. Se preferir usar este recurso, coloque um pedado da coleira no local onde o animal costuma dormir.
  • Prefira remédios usados durante o banho dos animais.
  • Após os banhos, enxague bem. Resíduos de veneno são igualmente nocivos para seus bichinhos.

um cão olhando para cima

Pergunta dos leitores

Existem   pulgas em humanos?

Sim, só que de outra espécie. As irritantes pulgas que atacam seres humanos são as Pulex Irritans. Nome muito apropriado para uma praga que atormenta a humanidade desde a idade da pedra. Causam irritações na pele, alimentam-se de sangue e defecam após alimentar-se. Especialmente este ato transmite doenças. Pode transmitir doenças como viroses, parasitoses e até verminoses.

A maioria das pessoas têm o hábito de tomar banho diariamente. Medida que evita a maior parte dos parasitas. Seres humanos também são pouco peludos, o que diminui as áreas de habitat para pulgas. Mas caso você note problemas com estes insetos, lave toda a roupa de cama e se possível, dedetize sua residência.

Qual a diferença entre a pulga e o percevejo?

A pergunta, de resposta aparentemente óbvia, esconde uma complicação. Pulgas e percevejos são realmente muito parecidos, algumas espécies atacam seres humanos, e ambos são vetores (portadores e transmissores) de doenças. E o cuidado para eliminar cada um é diferente.

É importante saber que percevejos se escondem na madeira, sua picada não dói e só aparece dias depois. Os venenos para tratar animais com percevejo agem na pele do animal, mas em humanos, é necessário dedetizar o ambiente. A maioria das picadas em humanos acontece no tronco e nos braços. As picadas de percevejos ficam agrupadas.

Pulgas são menores que percevejos. As picadas doem e coçam e geralmente são nas pernas. Pulgas são parasitas externos e vivem nos pelos do hospedeiro. As picadas doem e coçam, aparecem imediatamente e demoram a desaparecer. A forma das picadas também segue um padrão diferente das do percevejo. Neste caso, as picadas seguem em linhas paralelas, aproveitando veias e vasos sanguíneos.