Cachorro Pinscher – Saiba aqui tudo sobre a raça de Cachorro Pinscher!

O pequenino cachorro Pinscher pode te enganar por causa de seu comprimento e parecer mais frágil do que realmente é. Este cãozinho é destemido, valente, confiante e mentem-se sempre alerta ao menor ruído que escutar. Está sempre preparado a desafiar os intrusos e enfrenta os maiores inimigos também. De tamanho até 10 vezes maiores que ele.

Por sua altivez, muitos dizem que o Pinscher tem complexo de Napoleão. Seu latido intempestivo, em tom alto e agudo demonstra que algo ou alguém se aproxima e ele já percebe como uma ameaça.

Ativo, vivaz, jovial e inteligente são características comuns ao cachorro Pinscher. Ele é fiel e leal a sua família e se mantem sempre disposto a agradar. Estas características porém, não devem ser confundidas com submissão. Ele pode sem bem teimoso e independente também. Sua educação deve ocorrer logo cedo com bastante firmeza, mas não com brutalidade nem represálias. Desta forma você conseguirá sua atenção e obediência.

O cachorro Pinscher é bastante curioso então as portas de casa nunca devem ficar abertas. Se estiverem, ele irá querer explorar. Ele precisa de muitos exercícios físicos, movimentos ao ar livre, passeios em família… Mas fique atento ao período de inverno. Por serem pequenos e seu corpo possuir pouca gordura, em tempos frios precisam se agasalhar mais.


O cachorro Pinscher Foto do Cachorro Pinschertambém é conhecido como o rei do grupo canino dos Toys. Isso por causa de sua postura robusta e personalidade forte. Bastante esperto, é um cãozinho alegre e engraçado. Mantem-se sempre em movimento e gosta de estar limpo.

Origem e história

O cachorro Pinscher não é uma versão miniatura do Doberman Pinscher como muitos acreditam. Ele é o mais velho dos dois.

Exitem poucas informações a respeito do cachorro Pinscher. No século 17 um cão do tamanho de um gato, bem parecido com o mini Pinscher foi retratado em uma pintura. No século 19 já era normal aparecerem cães como Pinscher retratados em pinturas. Imagina-se que os Pinscher surgiram do cruzamento do Terrier de pelo curto ou simplesmente Pinscher Alemão com Dachshund e Greyhoound italiano.

As características do Pinscher Alemão são: forte estrutura óssea, mau humor, coloração preta e castanha. Já o Dachshund possui a coloração vermelha e muita coragem. E o  Greyhound italiano é elegante, jovial e com movimentação ágil. As características desses três cães podem ser vistas na maioria dos cachorros Pinscher.

Pinscher significa “terrier”. No final do século 1800 havia o objetivo de fazer cruzamentos entre as menores espécimes possíveis. Estes cruzamentos acabaram resultando em cães com várias deficiências e aparências que não agradavam as pessoas. Em 1900 voltaram a querer os Pinscher com características de altivez e elegância. Ao pararem os cruzamentos com espécimes menores os cães voltaram a nascer sem deficiências e saudáveis.

Na pré Primeira Guerra Mundial o cachorro Pinscher se popularizou e se tornou cão de exposição da Alemanha. No fim da Guerra a raça existia em pouquíssima quantidade. Se não fossem os cães exportados antes da guerra, sua raça poderia ter acabado. Na América sua popularidade continuou a crescer e o cachorrinho recebeu o reconhecimento do AKC em 1929.

Apelidado como “rei dos Toys” o cachorro Pinscher acumulou admiradores e hoje é considerado umas das raças mais populares dos Estados Unidos.

Características do Pinscher

O cachorro Pinscher possui uma cabeça alongada e expressiva. Seu crânio é achatado e sua dentição é bem desenvolvida em formato de tesoura. Possui olhos ovais e escuros com orelhas em formato de V implantadas no alto e dobradas. Seu ventre é ligeiramente erguido e os membros retos. Com calda natural e pelo curto, abundante, liso e brilhante assentado sobre o corpo.

Sua pelagem é unicolor com tons em vermelho cervo, vermelho castanha, vermelho castanha escura ou bicolor em tons de preto e fogo ou preto azeviche com marcas cor de fogo na face, lábios, sobrancelhas, peito, nas extremidades dos membros e debaixo da cauda.

Personalidade e temperamento do Pinscher

O Pinscher é uma das raças mais cheias de energia e mantem-se sempre em movimento. Por isso está sempre ocupado. É curioso, jovial, corajoso e imprudente. Mantém traços terrier e tende a ser teimoso e independente, mas sempre leal. Gosta de caças pequenos animais e costuma ser um pouco reservado com quem lhe parece estranho.

Como cuidar de um PinscherFoto de um Pinscher miniatura

Para manter seu cãozinho bem você deverá mantê-lo em muita atividade. Como tem a estatura pequena o Pinscher não se incomoda em fazer exercícios em espaços pequenos como dentro de casa. O importante é mantê-lo em atividade ao longo do dia.

Leve-o para correr ao ar livre, em locais seguros e cuidado com lugares frios, o pequeno Pinscher não vai gostar. Seu pelo é fácil de cuida. Deverá escová-lo de vez em quando a fim de remover os pelos mortos. E cuidado ao deixá-lo muito tempo ao ar livre. Este pequeno cão não deve viver ao ar livre.

Saúde e expectativa de vida

Os cães de comprimento maiores costumam ter uma expectativa de vida mais curta em relação aos cães menores. O Pinscher por ser pequenino pode chegar a viver em média de 12 a 14 anos. Alguns fatores como castração ou esterilização feita em cães muito jovens podem contribuir para a diminuição em anos da vida.

Esta raça raramente adquire alguma doença. Por isso não são necessárias preocupações excessivas. Quando adoecem, normalmente são por causa da doença de legg perthes, luxação de patela e atrofia progressiva da retina. Mesmo sendo preocupações leves, podem ocasionalmente acometer o cãozinho.

Para mantê-lo sempre saudável a alimentação deve ocorrer corretamente com a quantidade diária recomendada de 70 gramas de ração. A ração deve ser distribuída  entre 3 e 4 refeições ao longo do dia.

Preço de um Pinscher

Se você pretende adquirir um cachorro Pinscher saiba que seu preço pode variar a depender de algumas características como linhagem, comprimento e outras mais do animar. Mas no geral você poderá adquirir um cãozinho entre R$ 350 a R$ 1500. Mas se atente a procurar uma instituição de abrigo de animais abandonados. Eles costumam cuidar dos pequenos até que alguém apareça e queira adotá-lo dando todo o carinho e cuidado de que necessitam.