Como saber se o cachorro está com febre? Como tratar a febre?

Igual aos seres humanos, os cães podem apresentar no decorrer de sua vida diversas complicações de saúde. Observar o comportamento do seu animal de estimação, sinais e sintomas podem ajudar na prevenção de doenças e na  identificação das existentes. Um desses sintomas é o cachorro com febre.

Como saber se o cachorro está doente ou com dor? A melhor maneira é observar o comportamento do animal e verificar alguns sintomas físicos que podem ser apresentados.

A febre, por exemplo, acomete tanto humanos como cachorros. Ela é conhecida também como hipertermia. Ou seja, é o aumento da temperatura do corpo. Não é considerada uma doença e sim um sintoma comum de uma doença que já está sendo apresentada no animal.

Porém como saber se o cachorro está com febre? Um organismo infectado por vírus, bactéria ou protozoário afeta o sistema imunológico. Alterações no metabolismo e produção de calor em grande quantidade são comuns. Com isso, causam o aumento da temperatura corpórea, resultando na febre.


Como saber se o cachorro está com febre?

Para confirmar se o cachorro está com febre, a melhor maneira é medir a temperatura corporal. O ambiente e o clima do dia também devem ser considerados. Um dia muito quente juntamente com atividades físicas realizadas podem elevar muito a temperatura do corpo do animal. Isso mesmo sem indicação de alguma doença ou outro sintoma associado.

Os motivos para preocupação começam quando o termômetro marca temperaturas acima dos 39,5 °C. Acima deste valor pode ser considerada febre exigindo que o animal seja encaminhado de forma imediata ao médico veterinário.

Sintomas do cachorro com febre

Alguns sintomas podem ser observador para saber se o cachorro está com febre. São eles: focinho quente e seco, apatia, nervosismo, olhos lacrimejantes ou embaçados, falta de apetite e até tremores em ocasiões de febre muito alta.

Sentir frio quando estamos com febre é comum. E nos cães? Como saber se eles estão com frio? Uma das formas de descobrir é prestar atenção se o animal está tremendo ou se procura ficar bem encolhido. Esse comportamento pode ajudar a identificar se o animal está com febre ou não.

Como medir a temperatura de um cachorro?

Existem termômetros especiais para o uso veterinário. Apesar de serem mais caros, os instrumentos são mais precisos e mais fáceis de serem usados nos cachorros. Basta colocá-los na orelha do animal suspeito de estar com febre.

Na ausência do termômetro especial, uma opção é o uso do instrumento tradicional. O mesmo aparelho que é utilizado em seres humanos. Porém, caso seja esta a opção escolhida é importante que o termômetro seja utilizado apenas para o uso daquele animal.

Neste caso, a medição deve ser feita com a introdução do termômetro no ânus do cachorro. Para evitar desconforto utilize gel lubrificante durante a inserção do aparelho e aguarde de um a dois minutos para a sua retirada. Após isso, a checagem da temperatura será apresentada no instrumento. Não esqueça de limpar o aparelho após a sua utilização.

Qual a temperatura normal de um cão?

Diferente dos seres humanos, a temperatura normal de um cão saudável varia entre 38,5 e 39,5 graus. Por isso muitas pessoas  que desconhecem a informação se assustam quando vão medir a temperatura do seu animal de estimação. Algumas acham que o cachorro está com febre, quando na verdade a temperatura corporal apresentada está normal.Cachorro com febre

Como tratar a febre?

Como mencionado anteriormente, o cachorro com febre não é uma doença e sim um sintoma associada a alguma doença que pode acometer o animal.

O mais recomendado é levar o cachorro ao veterinário. O especialista poderá confirmar a temperatura e, ainda, qual o tratamento mais indicado.

A metamizol, mais conhecida popularmente como a dipirona, é uma das medicações mais recomendadas e utilizadas para a febre em humanos.

Com ação anti inflamatória e alívio para a dor também pode ser ministrada em cachorros, desde que seja feita sob orientação médica e com a dosagem correta. Evite dar qualquer tipo de medicação para o cachorro, principalmente, medicamentos de uso humano e sem recomendação prévia de especialista.

Na ausência ou dificuldade em localizar um veterinário algumas ações podem ser feitas para tentar amenizar a febre. São elas: ingestão de bastante água pelo animal com febre; se estiver com tremores cubra o cachorro com uma manta leve e fique ao seu lado o máximo de tempo possível para que ele se sinta reconfortado e um banho quase morno pode ajudar a diminuir a temperatura.