American Pit Bull Terrier – Personalidade, Temperamento, Cores, Preço!

O American Pit Bull Terrier é uma raça que tem a fama de ser agressivo e muito violento. Pois, originalmente, ele era usado como cão de briga. Existem vários mitos relacionados aos cães dessa raça, no entanto, ao contrário do que a grande maioria das pessoas acredita, esses cães podem se mostrar bem mais sociáveis do que a gente imagina.

Inclusive, é uma raça bem fácil de ser treinada. Veremos mais abaixo algumas das caraterísticas desse cão capazes de torná-lo uma ótima companhia, para o dono e para a sua família.

História e origem

A origem do American Pit Bull Terrier está ligada à raça American Staffordshire Terrier. Essas duas raças são provenientes do Staffordshire Bull Terrier. E vieram, no fim do século XIX, da Inglaterra para a América. Esse cão era usado, inicialmente, como um cão de luta.

Seu registro foi negado no American Kennel Club. Devido à recusa, o United Kennel Club foi fundado para, então, registrar o American Pit Bull Terrier. A AKC resolveu registrar essa raça inglesa pelo nome de American Staffordshire Terrier. E criava os cães para que participassem de exposições caninas.


Ao fim dos anos 30, todos os cães que eram registrados no UKC eram idênticos aos registrados no AKC. As duas raças foram seguir caminhos distintos somente nos anos 80. Como os cães de outros vários clubes estavam se desenvolvendo muito, física e também comportamentalmente, cada clube decidiu, então, definir como seria o próprio padrão.

um cão da raça American Pit Bull Terrier na grama

Características do American Pit Bull Terrier

O American Pit Bull Terrier é um cão pequeno, o que possibilita tê-lo em uma casa menor. Esse cão possui bastante energia. No entanto, se estiver em casa, ele prefere relaxar. É importante que o muro da casa seja bem alto pois, devido à agilidade dessa raça, ele pode dar grandes saltos.

É um cão que se apega muito às pessoas da casa onde vive. E não aceita que ninguém se aproxime, por considerar uma ameaça. Porém, se perceber que a família recebe bem o convidado, ele então aceita. É muito protetor. Caso o cão tenha que ser doado depois de crescido, ele se adapta facilmente aos novos donos. Especialmente se as famílias forem amigas.

O Pit Bull é um bom cão de companhia. E essa é uma opinião compartilhada pela maioria das pessoas que têm um cão dessa raça. É um cão capaz de criar laços de afinidade com a família inteira, mas que terá um carinho especial pela pessoa que considerar como sendo o seu melhor amigo. O American Pit Bull Terrier perdoa com facilidade, é muito amigo, leal e que adora se divertir.

A altura média de um Pit Bull macho ou fêmea é de 43 cm a 53 cm. E o peso médio varia de 13 a 34 kg.

Saúde e expectativa de vida

O American Pit Bull Terrier resiste bem às doenças, mesmo que tenha mais predisposição à algumas doenças de pele. Essa raça pode viver até cerca de 14 anos. Não costuma dar muitos gastos para o seu dono. Quando envelhecem, não é comum terem doenças caras de se tratar, ou doenças que se prolongam. É importante cuidar para que o seu cão tome todas as vacinas. E é bom levá-lo sempre ao veterinário.

Personalidade e temperamento do American Pit Bull Terrier

O cão Pit Bull é divertido, fiel, vital, entusiasmado. Ele tem a capacidade de ser bem tolerante com as crianças, permitindo que elas os toquem. Além de gostar de brincar. Ele consegue assimilar os comandos e é considerado um ótimo companheiro para o seu dono.

Aparência do American Pit Bull Terrier

O Pit Bull é uma cão de cabeça tipo tijolo. bem larga entre as bochechas, que abrigam suas fortes mandíbulas. Possui o pescoço bem definido e musculoso, que se prolonga até chegar a um tórax largo, arqueado e profundo.

Essa espécie de cão é muito ágil, muito musculoso e forte. A mordedura formada pelos dentes é em forma de tesoura. São aceitas todas as cores, seu rabo é largo na base, baixo e se afina de forma progressiva, sua pelagem é escura, pelos brilhantes e espessos. Possui as orelhas caída e de tamanho médio. Normalmente, seus donos cortam as suas orelhas em formato de ponta. No entanto, essa prática não é mais permitida em muitos países.

Como cuidar do cão?

um cachorro da raça American Pit Bull Terrier na grama

Embora seja um cão pequeno e que se adapta facilmente à ambientes pequenos, é necessário levá-lo com frequência, preferencialmente todos os dias, para fazer grandes passeios, pois ele é também um cão muito cheio de energia. É importante também brincar bastante com o cão. Ele precisa se socializar desde pequenino.

Mitos sobre o Pit Bull

Nenhuma raça sofreu tanta discriminação quanto o Pit Bull. As pessoas fazem uma avaliação errônea e imprecisa sobre esse cão, que pode se mostrar tão carinhoso e gentil. Vamos conferir abaixo alguns mitos sobre a raça American Pit Bull Terrier:

  • Os cães Pit Bull já nascem agressivos e perversos
  • O Pit Bull morde mais que qualquer outra raça
  • Todos os cães da raça Pitt Bull são perigosos. Por isso, é preciso acabar com a raça
  • O Pitt Bull consegue “trancar” as mandíbulas e só abrem depois de mortos
  • O cão Pit Bull é traiçoeiro e, mais cedo ou mais tarde, irá atacar uma pessoa
  • Pit Bull não tolera crianças
  • Esses cães mudam constantemente de humor
  • Eles não sabem ser amigos de ninguém
  • O Pit Bull é extremamente agressivo

No entanto, é recomendável treinar o seu cão desde pequeno e mostrar que é o seu dono quem manda na casa.

Preço do American Pit Bull Terrier

É possível encontrar um exemplar da raça Pit Bull com o preço variando de R$ 500,00 a R$ 1.000,00. O preço pode variar de acordo com o pedigree ou mesmo pela tonalidade que o seu pelo possui. Comprando cães pela internet ou em petshops, a pessoa não tem nenhuma garantia de que está comprando um cão de raça pura. Para isso, o aconselhável é comprar o seu exemplar direto de canis credenciados ou especializados.